Uma professora foi detida na Rússia depois de ter enforcado um dos seus filhos com meias collant enquanto o marido participava numa corrida.

Lyubov Melnikova, de 43 anos, inicialmente recusou-se a deixar a família entrar em casa quando eles voltaram, em Pushkino, cidade próxima de Moscovo.

Em seguida, ela disse às suas filhas adolescentes, de 13 e 14 anos, que esperassem na rua enquanto o marido, Vasily Melnikov, entrasse em casa. Foi aí que ele viu a criança pendurada em máquinas de desporto com umas meias collants.

Vasily tentou reanimar o filho, mas sem sucesso, tendo de seguida chamado as autoridades ao local. A sua esposa “ficou presa ao chão” e “não conseguia explicar nada”, relatou a revista Life.

Melnikova é professora de inglês numa escola local e foi detida por suspeita de assassinar a criança. O casal tem ainda outro filho, Sergey, de 19 anos.

“O departamento de investigação da cidade de Pushkino, região de Moscovo, deteve um residente local, 43, suspeito de assassinar o filho, de quatro anos”, revelou um comunicado do Comitê de Investigação Russo.