António Maio, capitão da GNR e piloto da Yamaha.

O piloto português Paulo Gonçalves faleceu este domingo na sequência de uma queda durante a 7.ª etapa do Dakar 2020. Colegas e amigos do piloto de 40 anos ficaram em choque com o acontecimento.

António Maio, piloto português da Yamaha e capitão da GNR mostrou-se em choque ao terminar a etapa que ficou tragicamente marcada pelo falecimento de Paulo Gonçalves.

O piloto português passou no local do acidente quando estavam a efetuar manobras de reanimação a Paulo Gonçalves e o mesmo “percebeu logo que era grave”. Com lágrimas nos olhos, o mesmo considerou ainda que foi “a pior etapa da sua vida”.

“Aquela imagem de… não há palavras. O que é que a gente pode dizer?”, refere ainda António Maio, visivelmente emocionado com o desfecho do seu colega.

DEIXE A SUA OPINIÃO