Abusador de crianças ia ser julgado por crimes que teria cometido na década de 1980.

Um violador, que ia começar a ser julgado por crimes de pedofilia, perdeu a vida após ser mortalmente colhido por um comboio na estação de Halewood, em Liverpool, na Inglaterra.

O homem, Mark Jones, de 51 anos de idade, iria ser presente a tribunal esta segunda-feira. O pedófilo deu-se como culpado de duas acusações de agressão sexual contra uma menina, ocorridas na década de 1980.

Mark, que confessou ter abusado da menina pelo menos seis vezes, negou no entanto outras acusações de comportamento abusivo das quais era alvo.

As autoridades britânicas avançam que a morte do homem não está a ser investigada por não a considerarem suspeita.