fbpx

O herói da GNR que evitou que um jovem de 18 anos se suicidasse. Já salvou a vida a 4 pessoas

Na passada quinta-feira, um jovem de 18 anos estava decidido em acabar com a própria vida, em Salvaterra de Magos.

O jovem estava pendurado na ponte da Vala Real e com uma fita de plástico à volta do pescoço. Foi desta força avistado pelo militar Ricardo Rosa – que não hesitou em salvar mais uma vida. A quarta vida que este herói da GNR salvou.

O cenário já era complicado, mas ficou pior quando o rapaz começou a andar para a estrada, a falar sozinho e com uma faca encostada ao pescoço. O militar, que não estava fardado, depressa pensou num plano.

Foi-se aproximando, discreto e com cuidado. Depois, fingiu que estava à conversa ao telemóvel e já com o jovem junto a si conseguiu baixar-lhe a faca e agarrá-lo. Esta foi a história mais recente que terminou com um final feliz. É a quarta vida que o GNR, de 42 anos, salva desde 2010.

A 30 de dezembro, em Marinhais, uma mulher caiu e bateu com a cabeça no chão. Ricardo Rosa estava de patrulha, chegou primeiro que os bombeiros e conseguiu reanimar a vítima.

Dois anos depois, um homem de 57 anos entrou em paragem cardíaca ao ser picado por uma abelha. Ricardo voltou a pôr em prática os seus conhecimentos de primeiros socorros, que ganhou enquanto foi bombeiro, e iniciou as manobras de reanimação.

Já em 2014 uma mulher encostou o carro na berma da EN114-3 para mudar um pneu. Quando Ricardo parou para a auxiliar um outro carro, a alta velocidade quase colheu a mulher que foi salva pelo GNR.




Artigos relacionados