O humorista mostrou indignação nas redes sociais devido ao facto de alguns famosos aproveitarem o falecimento de Pedro Lima para revelarem pormenores sobre a vida privada do ator.

“Estive alguns dias a ponderar e a segurar-me para não falar deste tema, mas eu tenho de falar porque fazer-me-ia igual confusão se fosse sobre alguém que eu não conheço.

Eu gostava de falar dos abutres. Os abutres que nos últimos dias apareceram para contar segredos que sabiam sobre o Pedro Lima e a sua família. Abutres que dizem que “eu sei de alguém falou com a mulher”.

Se vocês sabem, calam-se. Se realmente foram amigos do Pedro Lima, sabem perfeitamente que tipo de pessoa que era. Nós falamos de um dos seres mais iluminados e mais especiais que nós tivemos oportunidade de conhecer.

Falamos de uma pessoa que deixou um exemplo enorme do que é saber estar com os amigos, ser um bom pai, um bom filho, um bom irmão, de alguém que tinha uma aura especial e por isso mesmo contagiou tanta gente e criou esta onda de gente à volta dele, que genuinamente gostavam dele sem nenhum interesse. E eu tenho muita pena mesmo de não ter sido amigo dele a vida toda.

Se nós formos metade daquilo que o Pedro Lima era já estamos a ser uns gajos dos caraças porque estamos a falar de um ser humano realmente muito especial e que merece o melhor e não merece que pessoas que se cruzaram com ele de alguma forma, de repente, venham falar para os Correios da Manhã da vida, para as revistas, televisões, contar tudo e mais alguma coisa e inventar outras tantas numa lógica de auto-promoção.

Volto a repetir: Isso é ser um abutre e se há ser que não merecia isso e não era nada assim, muito pelo contrário, era o Pedro Lima. Eu não me seguro porque acho que as pessoas têm de falar disto. Metam-se nas vossas vidas. Se sabem, calem-se. Se não sabem, calem-se duplamente. Vamos ser melhores pessoas porque era isso que o Lima era: um gajo do caraças e se formos melhores pessoas só estamos a homenageá-lo.

É a melhor forma de o homenagear, sermos melhores pessoas, melhores seres humanos e louvar essa coisa bonita que ele tanto promovia a amizade e um mundo melhor. Foi isso que ele veio fazer à terra: fazer disto um mundo melhor. Deveria ter estado cá mais tempo. Foi o possível. Já fez mais do que muitos de nós farão”, concluiu o humorista.

Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Nilton (@niltonoproprio) a

DEIXE A SUA OPINIÃO