fbpx

Motoristas de matérias perigosas entregam pré-aviso de greve e já há data definida

Os motoristas de matérias perigosas cumpriram a ameaça e preparam-se para nova greve nacional caso as exigências não sejam cumpridas.

Os sindicatos Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e Independente dos Motoristas de Mercadorias cumpriram as ameaças e entregaram o pré-aviso de greve para dia 12 de agosto após reunião falhada com a ANTRAM.

Os sindicatos prometem assim, não desistir até que as suas exigências sejam ouvidas.

No dia 6 de julho, os sindicatos Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e Independente dos Motoristas de Mercadorias anunciaram após o seu 1.º Congresso Nacional, uma paralisação, como início a 12 de agosto.

Estes dois sindicatos independentes, juntamente com a federação sindical filiada na CGTP, têm vindo a negociar com a associação empresarial do setor, a Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM), a revisão do contrato coletivo, sob a mediação da Direção Geral do Emprego e Relações de Trabalho do Ministério do Trabalho.

De relembrar que a última greve dos motoristas de matérias perigosas aconteceu durante alguns dias no passado mês de abril de 2019.




Artigos relacionados