fbpx

Jovem motociclista perde a vida após despiste na A1, em Vila Nova de Gaia. Deixa filho de 4 meses

Jovem não não resistiu aos ferimentos provocados pelo acidente.

António Coutinho regressava de mota a casa depois de um jantar de família, em Afurada, freguesia pertencente a Vila Nova de Gaia, quando perdeu a vida, na sequência de um violento despiste na Autoestrada 1 (A1).

O acidente ocorreu na passada quarta-feira, dia 31 de de julho. O jovem com apenas de 28 anos de idade morava em Vilar Do Paraíso, no concelho de Gaia.

Deixa a mulher e um filho bebé, com apenas quatro meses de idade. O pai da vítima seguia atrás, de carro e acabou por ver o motociclo, no chão, a cerca de 300 metros do local onde António Coutinho sofreu o despiste fatal.

Os Bombeiros Sapadores de Gaia e os Voluntários de Coimbrões foram chamados ao local, e encontraram a vítima na vegetação no sítio onde se deu o embate.

O motociclista de 28 anos foi encontrado, ao fim de cerca de dez minutos de buscas, em paragem cardiorrespiratória. Não resistiu aos ferimentos e acabou por perder a vida no local da ocorrência.

As cerimónias fúnebres realizaram-se esta sexta-feira, pelas 15:00, na capela mortuária da Afurada.




Artigos relacionados