Advogado defendeu o ex primeiro-ministro durante cinco anos no âmbito do processo da Operação Marquês.

Faleceu esta quarta-feira João Araújo, o advogado que ficou conhecido por ter defendido José Sócrates no caso Operação Marquês.

No ano de 2015 o advogado revelou sofrer de cancro, mas que os tratamentos estariam a correr bem. “Estou a tratar um cancro e está a correr tudo bem. Não morro sem libertar o meu cliente”.

No entanto, o seu estado de saúde piorou nos últimos anos e o advogado já se encontrava a ser acompanhado na própria residência por uma enfermeira.

Apesar das adversidades, não deixou de marcar presença nas sessões instrutórias da Operação Marquês até ao final do ano passado.

Em abril do ano passado foi condenado em tribunal ao pagamento de 12.600 euros por difamação e injúria a uma jornalista. O velório será esta quarta-feira na Igreja da Estrela.

DEIXE A SUA OPINIÃO