Cristina Ferreira foi buscar Teresa Guilherme ‘a rainha dos Reality Shows’ em Portugal para apresentar o próximo Big Brother.

A falta de um elogio ou de uma palavra de agradecimento está explicada de Cristina Ferreira a Cláudio Ramos no final do Big Brother 2020, tendo em conta que a apresentadora dá uso às redes sociais para ‘tudo’.

‘Setembro é já amanhã’ é o novo lema de Cristina Ferreira, a nova diretora de Entretenimento e Ficção da TVI. A apresentadora deu uma ‘facada’ sem precedentes a Cláudio Ramos – que fez um ótimo trabalho, cumpriu o que lhe era exigido e superou as expectativas todas.

A situação torna-se estranha, tendo em conta que Cláudio Ramos já foi um bom amigo da apresentadora. E como a vingança se serve fria (Cristina não esquece o facto de o “vizinho” a ter deixado de um dia para o outro), escolheu Teresa Guilherme para apresentar o novo ‘Big Brother – A Revolução’, que tem data marcada já para o próximo mês de setembro.

Ao contrário do que já aconteceu com Teresa Guilherme e da própria Cristina Ferreira, ainda não há uma reação pública de Cláudio Ramos a esta decisão.

Apesar disso, Cristina Ferreira não esquece o passado e o quanto deve a Teresa Guilherme: “Devo à Teresa o estar hoje na televisão. Foi com ela que comecei a fazer os diretos do ‘Olá Portugal’”, escreveu a setembro de 2015.

DEIXE A SUA OPINIÃO