Bebé de 10 meses que perdeu a vida no trágico acidente em Penafiel não ia na cadeirinha

O acidente de viação ocorrido esta terça-feira em Canelas, Penafiel, causou três vítimas mortais. O avô, Sílvio Moreira, de 70 anos, o seu neto de 10 meses, Dinis Medeiros, e a avó, Fernanda Carvalho, de 48 anos, morreram após um despiste, na EN108, em Canelas, Penafiel.

Segundo fonte das autoridades, citada pelo Jornal de Notícias, o pequeno Dinis, não seguia na cadeira de segurança, obrigatória por lei, e não existia no carro qualquer sistema de retenção para crianças.

Ainda no mesmo carro, seguiam Jéssica e Rute, duas filhas de Fernanda, de 12 e 20 anos, que sofreram apenas ferimentos ligeiros e se encontram livres de perigo de vida. Ambas tiveram alta hospitalar por volta das 9 horas desta quarta-feira.

Relembre-se que o acidente aconteceu pelas 12h00. O carro despistou-se numa curva e bateu contra um meco na estrada. A viatura acabaria por cair numa ribanceira com cerca de 50 metros de altura, ficando submersa numa lagoa.

A família fazia a viagem entre Santa Maria da Feira e Alpendurada, quando o carro, em Canelas entrou em despiste e caiu de uma ribanceira com cerca de 50 metros.




Artigos relacionados