fbpx

Atleta morre atingido por um raio próximo da linha da meta. Para trás ficam dois filhos menores

Um atleta de 33 anos perdeu a vida após ser atingido por um raio próximo da meta de uma maratona de 50 quilómetros, no Kansas, EUA.

Apesar de ter recebido auxílio de outros participantes, o homem acabou por não resistir aos ferimentos.

Através de uma publicação no Facebook neste domingo, os organizadores da corrida FlatRock escreveram:

“A família de Thomas diz que as chances de ser morto por um raio são de aproximadamente uma em um milhão, e Thomas era realmente um homem num milhão.

As nossas mais profundas condolências à família de Thomas e a todos que conheciam esse homem maravilhoso “.

Segundo a National Weather Service (NWS), o corredor, Thomas Stanley, é a 17ª pessoa a perder a vida devido a raios este ano, nos EUA.




Artigos relacionados