Abusos começaram no ano de 2007 quando o homem levava a menina para casa – local onde passaria o fim de semana.

O homem de 81 anos, avô de 40 netos, abusou de uma das netas durante oito anos, em várias ocasiões. A criança, que ficou órfã com poucos meses de vida, foi entregue aos cuidados de uma tia, no entanto, acabou por ser institucionalizada.

Desde o ano de 2007, quando levava a menina para casa – local onde passaria o fim de semana -, o homem conduzia o automóvel até um local deserto e sujeitava a menor aos abusos, em Vila Nova de Gaia.

A criança era aliciada com doces, carregamentos de telemóvel e roupa nova. O homem pedia-lhe que permanecesse em silêncio e, caso não o fizesse, deixaria-a numa instituição sozinha para sempre, não tendo mais contacto com a tia.

No ano de 2016 a vítima, angustiada, não aguentou mais os abusos e acabou por denunciar os crimes à instituição onde estava acolhida. O idoso foi condenado no Tribunal de Vila Nova de Gaia a seis anos de prisão e a pagar 20 mil Euros de indemnização à vítima dos abusos.

DEIXE A SUA OPINIÃO